Bem Vindos


Caro leitor, bem vindo ao blog da Usimak

Este espaço serve sobre tudo para divulgar notícias, produtos, ideias e para estimular a discussão.
Esclarecer dúvidas e sugestões em relação a nossos produtos atuais e também sobre novos produtos em desenvolvimento.
Espero que este espaço seja útil para todos. Todas as sugestões são bem vindas.

Pesquisar este blog

anúncios

7 de mar de 2014

Tijolos para construção produzidos a partir de bactérias

Cortesia de bioMason
Foto: bioMason
Uma start-up de biotecnologia desenvolveu um método para sintetizar tijolos a partir de nada além de bactérias e outros materiais abundantes na natureza. Tendo recentemente recebido o primeiro prêmio no Cradle to Cradle Product Innovation ChallengebioMason desenvolveu um método de cultivar materiais através do emprego de microrganismos. Argumentando que os quatro materiais tradicionais da construção - concreto, vidro, aço e madeira - apresentam níveis significantes de energia incorporada e dependem muito de recursos naturais não renováveis, a resposta vem na forma de cimentos biológicos altamente resistentes (como corais) que podem ser usados "sem impactos negativos no ambiente".


Segundo bioMason, "a produção mundial de cimento em 2008 contabilizou 2,8 bilhões de toneladas, com quantidades equivalentes de CO2 liberadas na atmosfera." A série de processos que necessitam de muita energia para acontecer, desde a extração dos materiais brutos, transporte, a queima de combustíveis nos fornos, contribuem para que "40% das emissões globais de dióxido de carbono estejam ligadas à indústria da construção."
                            Screen_shot_2014-01-31_at_15.35.43
                                    Foto: bioMason
140128_biobrick
Foto: bioMason



"Bactérias proporcionam um ambiente adequado para formar, a partir da combinação de nutrientes, nitrogênio e cálcio, um cimento natural em temperaturas ambientes, levando menos de cinco dias para a produção do composto." A bioMason criou um modelo viável para o mercado que envolve a evolução das produtoras de alvenaria. Os recursos necessários para o biocimento são baratos, globalmente abundantes, e podem ser adquiridos a partir de restos de bioprodutos. Além disso, ao invés de depender de combustíveis para aquecimento, o novo material "cresce" em temperaturas ambientes. 

Saiba mais sobre o bioMason biobrick.
Referências: bioMasonCradle to Cradle

6 de mar de 2014

Fantásticas esculturas em tijolos

As esculturas figurativas possuem uma sensibilidade única. Especialmente essas, feitas de tijolo, um material arquitetônico cujas formas visuais raramente se estendem além de uma parede.
As obras de Brad Spencer, da Carolina do Norte (Estados Unidos), dialogam com esse paradoxo.Como fazer arte por meio de um objeto de características tão rústicas? Surge aí a contextualização da obra. São elementos que simbolizam a própria função do banalizado material.
“Não só combina com tudo, mas cabe perfeitamente no paisagismo devido a familiaridade que é reconfortante para as pessoas”, resume Spencer.
Dê uma olhada em alguns de seus trabalhos:
bradspencer1

bradspencer2
bradspencer3
bradspencer4
bradspencer5
bradspencer6
bradspencer7
bradspencer8
bradspencer9
escultura em tijolos 
bradspencer11
bradspencer12
No Youtube ainda há uma palestra de Spencer apresentando o conceito do trabalho. É mais de uma hora de explicação, mas vale o play.