Bem Vindos


Caro leitor, bem vindo ao blog da Usimak

Este espaço serve sobre tudo para divulgar notícias, produtos, ideias e para estimular a discussão.
Esclarecer dúvidas e sugestões em relação a nossos produtos atuais e também sobre novos produtos em desenvolvimento.
Espero que este espaço seja útil para todos. Todas as sugestões são bem vindas.

Pesquisar este blog

anúncios

21 de abr de 2012

Empresa curitibana lança solução inteligente de moradia


Sala de estar, sala de jantar, escritório, cozinha, lavanderia, banheiro e quarto. Tudo em 18 metros quadrados. (foto: Divulgação)
A Tecverde apresenta ao público curitibano no próximo dia 25 uma nova solução em moradia. Trata-se da unidade conceito Cocoon, um objeto móvel habitacional que utiliza tecnologia sustentável e pratica o aproveitamento máximo de espaços com o mínimo de impacto. A solução inteligente ficará em exposição no pátio da loja Tok & Stok (Rua Martim Afonso), uma das parceiras do projeto junto a Paysage e o artista plástico André Mendes. 
 
Segundo Caio Bonatto, diretor geral da Tecverde, o Cocoon foi criado para oferecer uma solução mais descolada, compacta, sustentável e inteligente de moradia. “O objetivo é levar uma proposta para vilas universitárias, vilas de obras de grande porte, casas de praia ou de campo“, conta ele. 
 
Na oportunidade a Tecverde aproveita para mostrar ao público a nova forma de construção aplicada pela empresa que revoluciona a construção civil no Brasil, “a Tecverde se fundamentou em construir casas de alto padrão usando a tecnologia woodframe, desenvolvidas de acordo com o gosto do cliente, com o mínimo de impacto ambiental. Por ser um processo industrial de construção, o prazo de entrega é até seis vezes menor do que o processo normal e ainda as casas podem ser escolhidas facilmente pela internet”. O Cocoon chega como um projeto alternativo da Tecverde para que todos tenham a oportunidade de ter uma casa ecológica.
 
Diferenciais - O Cocoon é um projeto desenvolvido pela Tecverde, com a coordenação do arquiteto Pedro Moreira e possui 18 metros quadrados bem aproveitados. Apesar do espaço restrito, a casa conceito é formada por dois cômodos que se transformam em muitos: uma sala-cozinha, que também pode ser quarto, escritório e lavanderia e um banheiro. 
 
“O projeto foi concebido baseado nas arquiteturas navais e japonesas, que são boas em aproveitar pequenos espaços. Temos o conceito de que cada espaço pode ter muito mais do que apenas uma única funcionalidade. Há situações em que basta um pequeno espaço com todas as funções que a pessoa precisa - quarto, cozinha, lavanderia, banheiro, sala de jantar e estar. Conseguimos colocar tudo isso em 18m²“, explica Bonatto.
 
Tecnologia e sustentabilidade - O próprio material com que foi feito o Cocoon já é um diferencial. O woodframe, tecnologia trazida pela Tecverde da Alemanha, é altamente durável e garante sustentabilidade ao longo de todo o processo, com redução de emissão de CO2 na construção, melhor eficiência térmica e ainda prazos de construção reduzidos em até seis vezes.
 
Além disso, o Cocoon possui sistema de automação de câmeras, sistema de segurança e iluminação por celular; isolamento térmico e acústico integral, iluminação LED e painéis solares para aquecimento de água. Na unidade conceito ainda pode ser instalado um sistema de reaproveitamento de água da chuva e tratamento de esgoto local (quando não há conexão com a rede). Outro diferencial é o teto verde, que utiliza matéria prima renovável e proporciona maior conforto térmico e acústico. 
 
O Cocoon foi produzido e montado na fábrica da Tecverde, com mobiliário e equipamentos instalados ainda na fábrica. “O objetivo é que o Cocoon seja entregue pronto, todo mobiliado e acabado. A ideia é a pessoa escolher o Cocoon pela internet, personalizá-lo, contratar o financiamento Santander pela internet e receber o objeto instalado em seu terreno ou em alguma Vila Cocoon em menos de 15 dias”, explica. 
 
E isso deve acontecer em breve. Segundo Caio, em 2012 o novo conceito proposto pela Tecverde será testado, para então, em 2013, ser lançado comercialmente.
 
“O Cocoon representa o conceito de inovação em sustentabilidade e experiência de construção que a Tecverde desenvolve. Não somos uma construtora boa em empilhar tijolos. Somos excelentes em levarmos para o mercado as soluções mais eficientes e avançadas para construção. O Cocoon é um exemplo de inovação para o mercado que ele propõe atingir“, diz.
 
Exposição - O Cocoon que ficara exposto no pátio da Tok & Stok ainda conta com mais alguns diferenciais. Além de já vir com móveis integrados e feitos sob medida, a decoração da unidade fica por conta da Tok & Stok, parceira do lançamento e grande incentivadora da inovação sustentável da Tecverde. 
 
Por fora, ainda é possível conferir a obra do artista plástico André Mendes, que mostra como é possível levar a arte para o urbano. 
 
O Cocoon ficará em exposição na loja da Tok & Stok da Martim Afonso por um mês a partir do dia 25. O horário para visitação será o mesmo da loja: das 9h às 20hs.
 
Sobre a Tecverde e o Woodframe
 
Localizada em Curitiba e desde 2010 atuando no sul e no sudeste brasileiro, a Tecverde se baseia em um conceito inovador de construir casas no Brasil. As grandes dificuldades encontradas no meio tradicional de construção de casas, como custos e prazos incertos, comum em um mercado dependente de mão-de-obra pouco qualificada e com baixos níveis de industrialização, são eliminadas no processo de construção Tecverde. 

A tecnologia utilizada, chamada de woodframe, foi a escolhida, pois foi a que melhor conseguiu reunir aspectos de industrialização (sem limitar a flexibilidade de personalização dos projetos), agilidade, conforto e sustentabilidade. As casas Tecverde são produzidas em um prazo até seis vezes menor que o processo de construção tradicional e ainda reduz os desperdícios em até 85% e as emissões de CO2 em até 80%. 
 
Além disso, os benefícios para o meio ambiente e para o bolso continuam depois da obra entregue, gera economia de 20 a 25% devido ao sistema térmico-acústico que oferece eficiência térmica duas vezes superior a uma casa convencional.
 
“A Tecverde oferece uma tecnologia avançada, mas com a mesma ou melhor sensação, estética, resistência, durabilidade, solidez, flexibilidade de uma casa de tijolos e concreto”, ressalta Bonatto.
 
Essa tecnologia foi transferida da Alemanha para a Tecverde com apoio técnico de um convênio com o Ministério da Economia de Baden Wurttemberg e apoio da FIEP, SENAI e outras 34 empresas. Aqui no Brasil foi topicalizada, isto é, foi adaptada em relação a algumas características presentes na tecnologia utilizada no exterior.